title3.gif

Transportadores de contêineres voltam entrar em greve em SC

Paralisação é mais intensa em Itajaí e Navegantes

Após uma breve trégua, que durou pouco mais de uma semana, os transportadores autônomos de contêineres voltaram a cruzar os braços nos portos de Itajaí, Navegantes, Itapoá e Imbituba. Querem retomar as negociações e exigem pelo menos 20% de aumento no preço do frete. Em Itajaí e Navegantes, onde se concentra o maior número de trabalhadores da categoria, quase todos os caminhoneiros estão parados.

De acordo com o Sintracon, sindicato que representa a categoria, o reajuste proposto pelos usuários do serviço ficou abaixo do que necessário para cobrir o custo. A planilha apresentada pelos caminhoneiros ao trade portuário informa que seriam necessários pelo menos R$ 154 para cobrir os custos de um frete de 16 quilômetros. Hoje o valor pago é R$ 90.

Fonte: O Sol Diário