title4.gif

Governo federal já teme impacto na exportação de carnes após denúncias

O Ministério da Agricultura admitiu que a Operação Carne Fraca da Polícia Federal (PF) - deflagrada na sexta-feira (17) para investigar fraudes em empresas de alimentos - pode desencadear uma crise de imagem para as exportações brasileiras de proteína.

"É lógico que nos preocupa, somos grandes players no mercado. Quando uma notícia dessas vem a público, se aproveita a oportunidade para colocar em xeque a questão comercial", declarou o secretário-executivo da pasta, Eumar Novacki, a jornalistas. No primeiro dia em que as denúncias foram divulgadas, instituições da União Europeia e dos Estados Unidos fizeram contato com o governo brasileiro para obter informações sobre a operação.

Os norte-americanos abriram as portas para o bovino in natura do Brasil em agosto do ano passado e, desde então, a medida funcionou como um passaporte de acesso a outros compradores com o mesmo padrão sanitário dos Estados Unidos. Caso o País seja abatido por uma crise de imagem, "existe sim o receio de fechamento dos mercados", afirmou Novaki, conforme noticiado pelo jornal DCI.

Fonte:Diário do Comércio e Indústria - DCI